MAIS UMA DOS TUCANOS. MAS DEVEMOS RIR OU CHORAR?

|


Confesso que não entendi nada, nadinha mesmo. Tem um trem esquisito nestes dois textos que reproduzo abaixo. Eu e o meu alter ego, o Língua de Trapo, achamos que deva ser algo parecido como isso:

Uma situação hipotética (mas que pode se tornar real)

Jornal Estado de Minas: Carro em que viajava o "empresário" Marcos Valério de Souza é fechado por caminhão e despenca do viaduto da mutuca. Testemunha que estava no local não conseguiu anotar as placas. Polícia rodoviária diz que o ocupante não sobreviveu à queda.

Agência Senado: Senador Eduardo Azeredo, o probo, publica nota de pesar em nome do povo do Estado de Minas Gerais e destaca que Valério foi um "fiel e exemplar servidor". (Está aí uma verdade, morreu de bico fechado!)

Será que é isso mesmo o que nós entendemos?


Lambida no. 1
Fonte: Portal do Governo do RS

Nota da governadora Yeda Crusius pelo falecimento de Marcelo Cavalcante

Quero expressar meu profundo pesar pelo falecimento de Marcelo Cavalcante, meu chefe de gabinete quando deputada federal e chefe da Representação do Estado em Brasília, responsável pela sua atual instalação, até junho de 2008.

Profissional de reconhecida capacidade, companheiro fiel e exemplar servidor, fez do Escritório do Estado em Brasília o ponto de referência de todos os gaúchos, casa de empresários e políticos e embaixada dos nossos prefeitos. (Fez foi um p#*%$@!)

Desejo que sua lealdade ao Rio Grande seja por todos conhecida. (Lealdade?)

Neste momento de dor, como governadora do Estado, agradeço todo o seu empenho em favor de nosso Estado e apresento minha solidariedade à família e aos muitos amigos que deixa.

Yeda Crusius
Governadora


Lambida no. 2
Fonte: Terra Notícias

Ex-representante do governo do RS é achado morto em Brasília

O ex-chefe da Representação do Governo do Rio Grande do Sul em Brasília Marcelo Cavalcante, 40 anos, foi encontrado morto às 7h10 no lago Paranoá, próximo à ponte Juscelino Kubitschek, em Brasília. De acordo com os Bombeiros, o carro de Cavalcante foi encontrado por parentes na noite deste domingo, próximo à ponte.

Ainda de acordo com os Bombeiros, a família afirmou que Cavalcante disse que faria uma "viagem sem retorno", o que levou à possibilidade de que o ex-representante tenha cometido suicídio. Às 9h20, o corpo permanecia no local para que fosse realizada a perícia.

CPI
Cavalcante pediu demissão em junho do ano passado, com o chefe da Casa Civil, Cézar Busatto, e o secretário-geral de Governo, Delson Martini, em seqüencia às investigações da CPI do Detran. Na ocasião, Cavalcante apareceu em uma das escutas divulgadas pela CPI do Detran acertando com o lobista Lair Ferst um encontro entre empresários e a cúpula da Fazenda. Atualmente, Cavalcante trabalhava no gabinete do deputado federal Cláudio Diaz (PSDB).

A CPI do Detran-RS tinha como objetivo investigar as fraudes no sistema de obtenção e renovação de carteiras de motoristas no Estado.
De acordo com a Operação Rodin, da Polícia Federal, o grupo teria desviado R$ 44 milhões dos cofres públicos.

3 comentários:

Maybe Tomorrow disse...

Huuuuuuuum muito estranho realmente.O depart.de assuntos aleatórios precisa aprofundar a matéria
Hehehehe Abraços Yvy

olhosdossertao.blog.spot.com disse...

Olá colegas estou informando o espaço de mais um site discussão de coisas do Brasil

http://olhosdosertao.blogspot.com/
Abraços.

Luis Moreira

Anônimo disse...

http://olhosdosertao.blogspot.com/

 

©2009 Língua de Trapo | Template Blue by TNB