QUEM TRATA DIRETAMENTE COM O DIABO OU COM OS DEMOS, NÃO PRECISA DE INTERMEDIÁRIOS

|

Lambido do Novo Jornal, com grifos do Língua.

“Nunca fiz aliança com Judas”, diz FHC (E precisaria ter feito?)

Em visita a BH, ex-presidente disse que aliança montada pelo governo Lula parece possuir “mais fariseus do que cristãos” (ainda bem, não confio muito mesmo nos cristãos, em particular nos católicos)

O ex-presidente Fernando Henrique (Cara-de-pau) Cardoso afirmou nesta sexta-feira, em Belo Horizonte, que a aliança montada pelo governo de Luiz Inácio Lula da Silva parece possuir "mais fariseus do que cristãos", em referência a declarações do presidente dadas à Folha ontem. Na ocasião, Lula falou que, no Brasil, "Jesus teria de chamar Judas para fazer coalizão".

Segundo o tucano, "pessoas atrasadas" na política sempre existirão e elas "não podem ser jogadas fora, fazem parte do jogo". FHC disse, porém, nunca ter feito aliança com "Judas". (Heim????!!!!)

"O ruim é quando você faz alianças espúrias, quando são feitas não para um programa para a eleição, mas depois da eleição e para ganhar votos no Congresso. (E para comprar a reeleição?) E, quando chega o momento, parece que tem mais fariseus do que cristãos. Aí fica difícil, inverte a lógica. Em vez de puxar o atraso para melhorar, você que é puxado pelo atraso. Isso não aconteceu comigo", afirmou. (Quá, quá, quá, quá! - Vai ser cara-de-pau assim lá na "casa do carrrdoso"!)
Em tempo: Por ser um pragmático, raramente me assusto com os acordos ou arranjos políticos para garantir a chamada "governabilidade". Mas antes que alguém se atreva a questionar os aspectos éticos ou morais da governabilidade, acredito que seja de bom tom refletir, e diante de um bom espelho, sobre o povo que realmente somos e o nosso comportamento em relação à política, aos interesses coletivos e, principalmente, ao estado.
O ex-presidente disse ter estabelecido a coalizão de sustentação de seu governo (1995-2002) antes das eleições, com "um partido que era um grande partido [PFL, atual DEM]". (Comprovadamente o partido mais corrupto do Brasil e que tem em seus quadros os maiores coronéis do latifúndio, grileiros, contrabandistas, operadores e apoiadores da ditadura, dentre outros)

As declarações de Fernando Henrique foram dadas após palestra em uma convenção do Conselho Regional de Contabilidade de Minas. (o quê os futuros Contabilistas aprenderiam com esse crápula?)

Ao contrário de outras passagens por Belo Horizonte, FHC não se encontrou com o governador Aécio Neves (PSDB), rival do governador José Serra (SP) na indicação tucana à sucessão do presidente Lula.

FHC e Aécio conversaram rapidamente por telefone no início da tarde. O ex-presidente disse que nem teria o que falar com o governador, já que os dois haviam se encontrado em São Paulo na última segunda.

Pesquisa

Ao ser questionado sobre a pesquisa realizada pelo Ibope que teria irritado o governador mineiro, com os nomes de Serra e Aécio na mesma chapa, Fernando Henrique disse que não havia visto os resultados. (Ele não sabia de nada e, essa idéia de chapa puro sangue nem nunca passou pela cabeça dele, imaginem!)

"Me disseram (olha o papo do meliante!) que na pesquisa os dois juntos em qualquer posição, aumentam o potencial de votos. Isso é bom porque mostra que a população confia em dois importantes governadores do PSDB, mas não quer dizer que se deva decidir agora quem seria o candidato".

4 comentários:

Anônimo disse...

Esse é o principe dos sociólogos, que tem a capacidade de dizer coisa nenhuma e acreditar que está dizendo tudo!!!!!!!!!E não foi ele que disse pra esquecer o que escreveu, agora está dizendo para não lembrarmos que ele fez a mais impúria das alianças...

Bob Jegg disse...

ou FHC se faz de bobo ou é tão bobo que a carapuça não lhe serviu

EP disse...

Voltamos à rede.

Humberto Capellari disse...

Mas não é ele o próprio Judas?

 

©2009 Língua de Trapo | Template Blue by TNB