Papai Noel deu uma banana para o PIG

|

Papai Noel não nos decepcionou e tampouco aos lojistas. Os indicadores produzidos pelas entidades que representam o comércio de varejo comprovam que o consumidor não sucumbiu ao terrorismo midiático e foi às compras. Os números revelam, sobretudo, um crescimento moderado das vendas, mas forte o suficiente diante da atual conjuntura e, também, para superar as expectativas dos lojistas.

Por outro lado, a interpretação do mesmos indicadores por alguns jornalões confirma que o sórdido publicismo ideológico se posiciona nas redações acima dos fatos e insulta a concretude irrefutável do números. Neste viés, a retórica jornalística pauta-se pela recorrência às conjunções adversativas e pelos grosseiros truques que os neo-pitagoristas se especializaram para dissimular a matemática e deformar a compreensão do receptor da informação.

E dizer mais o quê?

1 Comentário:

WAHIB disse...

Israel , EUA e Inglaterra dominam 99,9% da imprensa do mundo e usam judeus mortos na Segunda Guerra como licença para assassinar civis, mulheres e crianças . Também morreram 17 milhões de russos e 5 milhões de franceses, mas essas nações não saíram por aí saqueando e matando. Para banqueiros ingleses com filiais na Alemanha, França e Polônia, como os Rotschild, a guerra foi grande negócio. Judeus eram convencidos a “fazer depósitos para sacar em Londres no fim da guerra ”. A maioria morreu. O dinheiro ficou com os banqueiros judeus. Sacrificar semelhantes em rituais consta da Bíblia judaica. Abraão ia matando Isaac,seu filho para continuar sendo abençoado por Deus.Mandar sobreviventes para a Palestina foi uma forma de não indenizá-los e poder usá-los como escudo para conquistar petróleo.Um novo holocausto, provocado pelos judeus ricos contra os judeus pobres.Isso é História.Divulgue.Não se deixe manipular.Não se omita.Os judeus mortos não aprovariam o que Israel faz em seu nome.

 

©2009 Língua de Trapo | Template Blue by TNB