VERDADES INCONVENIENTES DA CAPITANIA HEREDITÁRIA DAS GERAIS II

|


Gustao, do Língua Mail


Não estou entusiasmado com a disputa aqui em Minas. O leque de opções, quer na disputa pelo governo, quer na disputa pelo senado, é desanimador. Para o governo, o Anastasia - a continuidade do governo Aécio, que mais se destaca pela publicidade do inexistente e pela fantasia do que por realizações - e o Costa - ambíguo e inseguro. Paro o Senado, Aécio, Itamar e Pimentel estão na dianteira da disputa. Pimentel, um tucano filiado ao PT, é - no meu entendimento - o maior responsável pelo enfraquecimento da esquerda mineira, que, diga-se, nunca foi tão forte assim. Desde que, juntamente com o seu grupo no PT, se alinhou com o PSDB de Aécio para eleger o prefeito de Belo Horizonte, Pimentel trincou uma aliança vitoriosa que vinha a frente da capital mineira há mais de uma década com uma administração exemplar.

Ideologicamente, Anastasia, Aécio, Itamar, Pimentel parecem estar do mesmo lado: neoliberais, que querem administrar o estado como se uma empresa fosse. Mas o estado não é uma empresa, é preciso que alguém diga isso a eles. O Choque de gestão de Aécio e Anastasia - propagandeado em prosa, verso e mímica - é arrocho salarial para servidores, é redução de investimentos em educação e saúde, é propaganda com atores globais, cujos cachês elevados são custeados pelo dinheiro público. Diante do triste cenários que se me apresenta, pensei em anular o voto para governador e evitar os três primeiros colocados para o senado. Agora, ando refletindo se não é hora de romper com a dominação tucana em Minas. Ainda não decidi, mas o Hélio Costa tem errado feio na sua campanha. Em lugar de apresentar propostas concretas e marcar a diferença entre ele e seu adversário ou entre seu possível governo e o governo de seus adversários, ele segue elogiando o Aécio, repetindo um mantra que a imprensa mineira não cansa de repetir há oito anos.

Necessário esclarecer para o eleitor o que é o tal Choque de gestão, mostrar que a única política expressiva na área de saúde do governo Aécio é o fornecimento de ambulâncias, que os profissionais de educação e saúde em Minas são mal remunerados, que os gastos com publicidade são exorbitantes, que a administração mineira foi privatizada e tratada como uma empresa pelo governante.
Como se pode depreender não morro de amores pelo governo Aécio.

Mas não se trata de implicância gratuita. A discrepância entre o que o rapaz fala e o que faz é muito gritante. A publicidade governamental aliada a uma proximidade promíscua com a imprensa mineira criou o mito, a fábula Aécio, sobre o qual só se vêem elogios, louvação e aplausos. Não se encontra uma linha, uma sílaba, um ruído na imprensa que deponha contra o neto de Tancredo. Tudo que ele diz e faz aparece na imprensa mineira como produto de uma intangível genialidade, cálculos políticos de alta complexidade.


Desideologizado e politicamente medíocre, este é o mito criado e construído como a promessa de Minas para o futuro.

9 comentários:

Mana Coelho disse...

Concordo com tudo. Estou pensando em votar no Hélio por causa do Patrus. Mas estamos numa sinuca de bico. Pobre Minas.

VERA disse...

Já estivemos nessa situação aquim em SP também, quando tivemos que escolher entre Covas e Maluf!

Anselmo disse...

Sou Dilma e Hélio e vamos ganhar, pois o Aècio e mais direita que o Serra, deveria estar e no DEM. E o grupo do Aécio fere a democracia tirando a libertade até da Imprensa. E Hélio Costa e nota 10 DIAP, pode ter seus defeitos com seu grupo e ainda um ótimo vice Patrus.

João Paulo Ferreira de Assis disse...

Minha preocupação é que Anastasia está com tudo. O programa dele na televisão dá de dez a zero no do Hélio Costa. Eu não aguentei. Saí da sala amargurado, pois pressinto que Anastasia vencerá a eleição. Ele tinha 579 prefeitos. Agora tem 644. Mesmo na nossa classe, de professores, ele será votado, infelizmente, pois desatou o pacote de bondades. O tal 14º salário (que é prêmio de produtividade será pago agora em setembro). Em novembro, pagar-nos-á o reposicionamento. A mim ele não me compra, mas a muitos colegas ele já persuadiu. Só continuo com intenção de votar em Hélio Costa, por eu morar em Ressaquinha, cidade da área de influência de Barbacena, onde Hélio Costa é forte. A solução quase tem sido apelar para o fanatismo das torcidas: aos atleticanos dizer que atleticano que aceita apoio dos Perrela não merece o voto da grande torcida do Galo. E aos cruzeirenses dizer que os Perrela estão traindo o clube estrelado ao fazer campanha para um atleticano. Porém, seja o que Deus quiser.

alex disse...

OUÇAM O CALA BOCA DO JORNALISMO PIG

O PORTA VOZ É O WILLIAM WAAK:

Assistam: entre 1:01 e 1:04

Ouça o William dizer; manda "calar a boca"

http://g1.globo.com/videos/jornal-da-globo/v/quebra-do-sigilo-fiscal-domina-dia-politico-no-brasil/1325943/#/Edi%C3%A7%C3%B5es/20100826/page/1

Fabiano disse...

Levante a cabeça homem!


Aqui em SP terei de votar no Netinho(um lixo), mas votarei, é importante a base de apoio para a Dilma poder fazer as mudanças que o país precisa.


Além de votar estou pedindo votos para ele e a Marta, PRAGMÁTISMO.

Saudações Petistas!

formaxima.com disse...

Olá passei para conhecer seu blog ele é not°10, show, espetacular desejo muito sucesso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e da sua família
Um grande abraço e tudo de bom
Ass:Rodrigo Rocha

Anônimo disse...

VEJA O ABSURDO:
http://oglobo.globo.com/pais/eleicoes2010/mat/2010/09/07/no-programa-de-dilma-na-tv-lula-ataca-serra-917579536.asp

E AINDA POR CIMA CRIARAM NESSE SITE UM TAL DE PROMESSÔMETRO E SERRA ESTA EM PRIMEIRO LUGAR. ABSURDO TOTAL ISSO....

Anônimo disse...

Aécio deu uma gigantesca rasteira no senhor Pimentel nestas eleições. Este entregou a prefeitura de BH para o PSDB, pensando que iria conseguir aproveitar as benesses do governador nesta eleição para o senado. Ledo engano! Aécio passou-lha para trás e apoiou Itamar para o senado. Resultado: Aécio e Itamar serão eleitos, Pimentel perderá sua força, e a prefeitura estará nas mãos do PSDB por um longo tempo. E este golpe fica mais claro quando o próprio Márcio Lacerda joga Pimentel aos leões, e apoia Itamar e Aécio, além de increncar com os empreiteiros amigos do "petista". O Pimentel foi passado para trás, e agora vai colher os frutos da má política e do servilismo.

 

©2009 Língua de Trapo | Template Blue by TNB