X-9, JÁ ERA DE SE PRESUMIR

|

Wikileaks: William Waack, da Globo, é citado três vezes como informante dos EUA

Hoje às 17h31 - Atualizada hoje às 18h30
Jornal do Brasil Jorge Lourenço

O jornalista William Waack, da Rede Globo, se tornou um dos assuntos mais discutidos no Twitter nesta quinta-feira graças a supostos documentos da Wikileaks que o apontariam como informante do governo americano. Apesar de vagas e desencontradas, algumas informações são verdadeiras. O Informe JB entrou em contato com a jornalista Natalia Viana, responsável pela Wikileaks no Brasil, que confirmou a história. Waack é citado não apenas uma, mas três vezes como informante da Casa Branca. Dois dos documentos que o citam são considerados "confidenciais".

Consulta sobre as eleições

Um dos arquivos é sobre a visita de um porta-aviões dos Estados Unidos em maio de 2008. Na ocasião, a Embaixada Americana classificou como positiva a repercussão na mídia do evento, citando William Waack diretamente por ter ajudado a mostrar o lado positivo das relações do Brasil com os Estados Unidos em reportagens para o jornal "O Globo". Os outros dois documentos são sobre informações repassadas por Waack a representantes americanos sobre as eleições presidenciais do ano passado.

2 comentários:

EP disse...

E aí, esse assunto morreu? Ou já era natimorto?

CANGUARETAMA EM CHAMAS!!! disse...

Olá! Somos um blog voltados à execução dos serviços públicos e transparência política na cidade de Canguaretama como também em todo o RN. Nossa missão é transmitir informações com a verdade e imparcialidade à todos os nosso leitores. Ficaríamos honrados em fazer parte de sua valiosa lista de blogsites. Desde já, fica aqui nossos agradecimentos e a certeza que iremos fazer o mesmo em relação ao seu blog no Canguaretama em Chamas. Sem mais para o momento, fica nosso caloroso abraço! Atenciosamente: Equipe do Canguaretama em Chamas.

 

©2009 Língua de Trapo | Template Blue by TNB